visitas

sábado, 13 de março de 2010

O amor


O amor é uma coisa
feito semente de nascer
alimenta-se de desejo
morre quando tem prazer.

É a coisa que num beijo
pode tudo até fazer
de tristeza ou de gracejo
faz a vida ou faz morrer.

Quando o amor eu vejo
fico meio sem saber
se é mesmo o que vejo
ou se vejo outro querer.

{pedro aruvai} 

2 comentários:

Barbara Bastos disse...

Singelas palavras, repletas de profundos significados.
Gostei muito.
bjs

Crista disse...

Pedrão...A-DO-RE-I.....
Beijosss...