visitas

segunda-feira, 15 de março de 2010

Deixa-me ser

desenho de Pedro Aruvai
Deixa-me ser
o ser do seu ser,
amor que faz viver
paixão que lhe dá prazer.

E quando ser
o seu ser no cansaço,
deitar-me em seus braços
ficar com você.

Ouvindo o seu ser
no silencioso olhar,
do fundo do peito dizer:
gostoso é lhe amar.

PEDRO ARUVAI

6 comentários:

Dina disse...

amei sua maneira de escrever e expressar o q vai na alma! beijos e adorei sua visita!
Dina Isserlin

marlene castilho disse...

OLÀ POETA ! SEM PALAVRAS ...DEIXA-ME SER O SER DO SEU SER ............ NADA MAIS ! PARABENS LINDISSIMO POEMA ! LINDO ! BJKS .......... MARLENINH@ ................

VASCODAGAMA disse...

AMEI
VOU VOLTAR

BEIJO

Acalântis disse...

Como é bom poder "ser" de alguém...o amor,o toque ,a magia...Lindo..Parabéns!!!!!

Pedro Aruvai disse...

obrigado a todos pelos comentários.

fico feliz por gostarem.

BEBE disse...

Lindo Poeta!
Mergulhar no amor
como nas ondas do mar.
Adorei teu blog.
Beijo
da
BEBE