visitas

segunda-feira, 17 de maio de 2010

UMA CAMA DE VENTO.

desenho de pedro aruvai


Quero me deitar numa cama de vento.

Nela com vontade me deleitar.

Amar as mulheres de meu pensamento.

Depois quero dormir para descansar.


Quando acordar receber o café.

Com pães, manteiga, frutas e bolos.

Trazido pela amada mulher.

De meus pensamentos tolos.


Quero desmanchar a cama de vento.

Para que nela ninguém venha se deitar.

E esquecer as mulheres de meu pensamento.


Mas quando a noite chegar.

Farei outra cama de vento.

E nos pensamentos buscarei mulheres para amar.


PEDRO ARUVAI


2 comentários:

Poesia...Poesia disse...

linda postagem amigo!
Beijinhos de Boa Noite!

Sylvia Rosa disse...

Busques quantas mulheres quizer pra tua cama de vento, mas por favor escolha apenas uma, e dê o seu recado bem dado. heheheh