visitas

sábado, 18 de julho de 2009

Monte e desmonte


Monte e desmonte

seja errante! 

Se perca em qualquer horizonte

que aos olhos seja a fonte

de inspiração,

e perca uma lagrima

na velha lembrança

de uma canção!

[pedro aruvai]

3 comentários:

Úrsula Avner disse...

Um amor de poema meu caro autor. Sua poesia é encantadora ! Um abraço.

Pedro Aruvai disse...

obrigado, querida!
bjsss

Taninha disse...

Olá, passei por aqui e fiquei.
Um abraço,
Taninha